DIA INTERNACIONAL DO IDOSO

Hoje e sempre, um guerreiro a ser respeitado.

O Centro do Professorado Paulista (CPP) não poderia deixar de celebrar o Dia Internacional do Idoso.

Então, escolhemos para esta homenagem, uma célebre frase de Cora Coralina, uma escritora inigualável, reconhecida quando há muito já havia atingido a maturidade: “O saber se aprende com os mestres. A sabedoria, só com o corriqueiro da vida.”

Oportuno lembrar, também, que aqueles que, hoje, já cumpriram com suas responsabilidades perante a sociedade têm uma arma poderosa que pode eliminar as injustiças geradas pelo desumano sistema brasileiro de aposentadoria: o voto.

O voto iguala letrados e analfabetos, ricos e pobres, jovens e idosos, todos com idêntico valor de democracia. Dia virá em que os aposentados cobrarão daqueles que governam, o respeito que nunca tiveram e, então, todos conhecerão o peso e a importância dos idosos brasileiros. Este dia virá impiedosamente, fará essa cobrança.

É imperativo que a data valorize os aposentados, especialmente os professores, merecedores de todo o respeito e do direito de terem milhares condições de vida e de envelhecerem com a máxima dignidade.

Hoje os governantes entendem que os nossos aposentados não produzem mais e, por isso, podem ser relegados, no ápice de sua vida, ao esquecimento. Esse tratamento desumano começa pelo sistema brasileiro de aposentadoria, seja do servidor público ou da iniciativa privada, que só reforça as injustiças e desigualdades sociais sem nenhuma preocupação com reposições dos desgastes pessoais sofridos. As políticas de atenção ao idoso e sua partcipação no controle social não oferecem garantia alguma.

Que os governantes consigam enxergar a importância de dignificar o idoso não apenas hoje. Mas sempre. O país está envelhecendo. É um fato. A velhice chegará para todos. É melhor rever os valores e as leis enquanto há tempo.

Mas, hoje, a todos os idosos, especialmente aos nossos associados, dedicamos um especial abraço como reconhecimento por toda dedicação e trabalho pelo bem do magistério e de toda a sociedade.

Que ninguém se esqueça: o idoso é um cidadão – um guerreiro, um eleitor – um brasileiro a ser amado e respeitado todos os dias do ano.


SECOM/CPP

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: