Educação vai investigar 52 escolas

Fonte: Jornal Agora-1-04-2010-pág.A/11 – Secretaria quer descartar hipótese de fraude em escolas que melhoraram o Idesp

O secretário de Estado da Educação, Paulo Renato Souza, disse ontem (31/3) que a secretaria irá investigar 52 escolas que melhoraram muito as notas do Idesp de 2009 (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo).

A declaração foi feita durante o anúncio oficial dos resultados do programa de Valorização pelo Mérito, que concede reajuste de 25% para até 20% dos integrantes do magistério.

Segundo o secretário, algumas escolas subiram a média do Idesp em três pontos, passando de um para quatro, por exemplo, o que mostra uma evolução muito significativa, em pouco tempo.

“Nós queremos saber o que essas escolas fizeram para melhorar tanto o índice. Sabemos que algumas delas investiram em programas de leitura e mobilizaram a comunidade, o que é excelente. Se for isso, queremos espalhar o método pela rede. Porém, também precisamos descartar a possibilidade de fraude”, disse Paulo Renato.

Todas as 52 escolas já receberam o bônus da Educação neste ano. O secretário não informou se o valor da bonificação será devolvido caso seja comprovada alguma irregularidade.

Outras 11 escolas tiveram o pagamento do bônus suspenso porque houve denúncias de fraudes na aplicação do Saresp (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo), que gera as notas do Idesp.

O pagamento só será efetuado depois da apuração dos fatos, que envolvem 314 profissionais.

Sob suspeita – A Secretaria de Estado da Educação irá investigar 52 escolas que melhoraram muito no Idesp de 2009 em relação ao de 2008; Os profissionais dessas escolas receberam o bônus; Se não houver irregularidades, essas escolas serão utilizadas como exemplo.

Suspensão do pagamento – Além disso, a secretaria suspendeu o pagamento do bônus para 11 escolas nas quais houve denúncias de fraude na aplicação das provas do Saresp, que geram as notas do Idesp; 314 profissionais ficaram sem o pagamento; Esses funcionários deverão aguardar o término das investigações; Se for comprovada a fraude, haverá uma nova avaliação – que não será o Saresp – dessas escolas para diagnosticar a aprendizagem dos alunos envolvidos; Além disso, o bônus das equipes pedagógicas envolvidas nessas turmas ou escolas será calculado com base no índice da diretoria de ensino.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: