DOCENTES QUEREM SUSPENDER PROVA

Jornal Agora -30/01/2010 -pág.A/12

Os professores supervisores e diretores de escolas estaduais entraram com um pedido de suspensão das provas do Programa de Valorização pelo Mérito, que dará reajuste de até 25% para até 20% do magistério estadual.

Nesta semana, o CPP (Centro do Professorado Paulista), entrou com uma ação cautelar no Tribunal de Justiça pedindo a suspensão da prova, válida para efeitvos e temporários da rede.

A primeira prova foi realizada ontem, apenas para supervisores, diretores, assistentes de diretores e coordenadores pedagógicos de escolas estaduais. Já os professores de educação básica 1 (primeira a quinta série do ensino fundamental) farão prova nesta segunda-feira, às 9h.

Na terça-feira, é a vez dos docentes de educação básica 2 (sexta a nona série do ensino fundamental e ensino médio) e de educação especial prestarem o exame.

Segundo o presidente da Udemo (sindicato dos especialistas), Luiz Gonzaga de Oliveira Pinto, mais da metade dos diretores não compareceu à prova ontem. “Esse exame é uma grande enganação”, afirma.

Para a diretora da Apase (sindicato de supervisores) Irene Machado Pantelidakis, até mesmo os que fizeram a prova não concordam com a proposta. A Secretaria de Estado da Educação informou que não recebeu a notificação da Justiça.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: