100 mil professores poderão disputar a prova por reajuste

Folha de São Paulo -27-01-2010- página C/6

entrevistada: Profa. Maria Lúcia de Almeida -vice-presidente do CPP

Cerca de 100 mil integrantes do magistério estadual paulista poderão disputar a prova que concede reajuste salarial de 25% para até 20% do total de funcionários da rede, segundo o secretário da Educação, Paulo Renato.

Esses professores têm todos os requisitos para concorrer ao reajuste, que são tempo mínimo no mesmo cargo, permanência na mesma unidade de ensino e pontuação mínimo obtida pelo número de faltas do professor.

As provas serão realizadas em 29 de janeiro e 1 e 2 de fevereiro, todas às 9h.

Se o benefício for concedido aos 20% dos docentes de São Paulo, cerca de 44 mil terão aumento.

Para Maria Lúcia de Almeida,  vice-presidente do CPP (Centro do Professorado Paulista), os professores foram à Justiça Federal para impedir a promoção. “A prova modifica o plano de carreira do magistério e exclui 80% dos docentes da promoção.”

Os exames terão uma parte objetiva e uma dissertativa, no valor de dez pontos cada.

A nota final será obtida pela média entre a soma da parte objetiva com a parte dissertativa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: