CPP entrará com ação judicial contra o governador

Os últimos governos destruíram a educação em nosso Estado. Entretanto, para as eleições do ano que vem, já temos uma resposta a dar nas urnas. Estamos completamente desprovidos de proteção e valorização. Estão acabando com o prestígio do magistério, por isso, não há professor suficiente no mercado de trabalho. O governador joga em nossas costas a culpa pela má qualidade do ensino público paulista e ainda acredita que nós, professores, ganhamos muito bem. Então, é imperativo que se mostre à população que o PLC 29/09 é uma mentira. Jamais um professor vai ganhar R$ 7.000. Merecemos um salário justo, não gratificações.

Estamos despidos sim, mas de estímulo e de esperança – contudo, nos manteremos de pé lutando por uma educação qualificada e por condições dignas de vida e de trabalho aos professores.

Mesmo sendo um engodo, o PLC 29/09 foi votado, na calada da noite, quando praticamente não havia público. O projeto pulou degraus – mesmo assim – iremos até o fim. A aprovação desta lei ratifica o completo descaso do governo com o magistério. O desprezo é tamanho que o impede de chegar perto e ouvir as entidades de classe.

Mas, não nos damos por vencidos.

No momento em que o PLC 29/09 for sancionado pelo governador – entraremos com uma ação judicial – sobre a ilegalidade da lei. Afinal, seria preciso que passasse pela comissão paritária, prevista no artigo 25 da Lei Complementar 836/97, no plano de carreira do magistério o fizeram.

O magistério paulista merece trabalhar com a autoridade e respeito que sempre fez jus.

Anúncios

2 Responses to CPP entrará com ação judicial contra o governador

  1. MARIA aLEXANDRINA MAGRI MEDOZA disse:

    O Site do CPP está muito mais dinâmico e atual. Estão todos de parabéns, principalmente a visão da Nova Gestão mais participativa.
    Tenha certeza que amanhã 23/10/2009 será colocado para o representantes de escolas visualizarem. Estaremos dando uma
    pincelada na legislação do concurso da prefeitura de São Paulo
    com o apoio de Maria das Dores – da Diretoria do CPP em Diadema.
    Tudo que estiver ao nosso alcance para melhorar a vida do professor
    vamos fazer. Pois o pão nosso de cada dia vem do trabalho árduo de
    sala de aula.
    Abraço, Alexandrina de Diadema.

  2. FRANCIELLI disse:

    OLÁ, GOSTARIA DE SABER O QUE O CPP ESTÁ FAZENDO A RESPEITO DESSE PROCESSO SIMPLIFICADO PARA DOCENTES, PEB1 E PEB 2, POIS ESTA PROVA FOI MUITO EXTENÇA, E COM MUITOS CASOS DE ERROS NAS INSCRIÇÕES, EM VEZ DE PROMOVER O PROFESSOR, ESSA AVALIAÇÃO FOI PARA ACABAR COM A CATEGORIA,
    ONDE ESTÃO OS NOSSOS DIREITOS???? UMA BIBLIOGRAFIA QUE É LANÇADA 60 DIAS ANTES DA PROVA, CONTRA AS LEIS ,QUE DEVEM SER 90 DIAS ANTES, O MÍNIMO……. MUITO REVOLTADA..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: