A VOZ E O PROFESSOR

A Matéria da Folha online de 24/08/09 muito nos preocupa pelos números assustadores.

As faltas de um professor que se ausenta por problemas de voz, em um ano, são imensamente superior às demais profissões. Esta é a conclusão de um estudo nacional com 3.265 pessoas realizado pelo Centro de Estudos da Voz, pelo Sinpro-SP, (Sindicato dos Professores da Rede Particular) de São Paulo e pela Universidade de Utah, nos Estados Unidos.

Enquanto um professor, seja da rede particular ou da república – em nosso Estado – se ausenta por cinco dias por problemas de voz, nas demais profissões essa média não chega a um.

Infelizmente, a impiedosa realidade do professor o expõe a passar horas a fio chamando a atenção dos alunos, em voz alta ou baixa, em tons graves e agudos, em temperaturas altas e baixas, dia e noite, o ano inteiro.

Um dos desafios que mais nos assusta é o aumento do número de alunos por classe. Existem outros tão ou mais graves, como a grande jornada de trabalho vencida com o uso abusivo da voz, o excesso de trabalho que nos obriga a levar tarefa para casa, o pouco tempo para o lazer e a contínua agressão à voz.

Segundo o estudo, os problemas mais frequentes que atingem os professores são garganta seca (45%), rouquidão (41,2%) e cansaço vocal (36,9%).

Fáceis e rápidas, estas dicas ajudam a preservar a voz no dia a dia: articule bem as palavras, fale pausadamente, descanse a voz, sempre que possível, beba muito líquido em temperatura ambiente, cuide da saúde geral, tenha um bom sono e uma alimentação saudável.

Uma estrutura inadequada de trabalho e a falta de informações sobre os cuidados da saúde vocal fazem do professor, uma das principais vítimas dos problemas vocais.

Se o governo cumprisse a legislação já existente com responsabilidade, investiria mais recursos na prevenção não tendo que arcar com o alto custo dos possíveis afastamentos dos seus profissionais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: